Sobre o ventre do mar
molecular
nascia o abrasador
com convicções aritméticas
numa métrica
digna de louvor.

Quão jubilosos vós sois, raios!
Bacio de libertinagens
vorazes e renitentes.
Ora, o cume deveras agradece,
porém vêm-se, ainda, as ramagens
adornadas de voláteis desmaios.

Diabos repelem-se
no orgasmo
com sarcasmo
do dia
e a alegria
faz-se em lençóis
cujo bordões é por todos conhecido